Machu Picchu > MÁGICA!! A Cidade Perdida.

10
maio
     Rodeada por um mágico silêncio, a 120 Km de Cusco, sobre a vertente do rio Urubamba, está um dos mais belos monumentos arquitetônicos da terra. Considerado também como um lugar místico, Machu Picchu é admirável pela solidez da edificação. A surpreendente perfeição das construções com pedras encaixadas milimetricamente, sem nenhum tipo de material que pudesse uni-las, desperta teorias infindáveis.
Na Estação rumo a Machu Picchu.

Na Estação rumo a Machu Picchu.

Para chegar lá, temos que fazer um trajeto de ônibus e outro  de trem, mais fique tranquilo, é muito confortável, servem um refeição completa no trem.

Para chegar lá, temos que fazer um trajeto de ônibus e outro de trem, mais fique tranquilo, é muito confortável, serve uma refeição completa no trem.

Perfeita!! Para quem, como eu, acha que visitar Cusco, Machu Pichu, e Lima, seria uma aventura pitoresca e rural, pode relaxar. Desde a chegada  ao aeroporto de Lima até a saída desse país para o Chile, tudo me surpreendeu pela qualidade, banheiros públicos limpos. Ônibus novos, restaurantes deliciosos, e hotéis confortabilíssimos. E mesmo se tudo isso fosse precário, a beleza do vestir do povo nativo, da cultura e da paisagem valeria  à pena do mesmo jeito. TOP<TOP.
A magia que existe neste lugar, não dá para descrever, só vindo aqui e sentindo.

A magia que existe neste lugar, não dá para descrever, só vindo aqui e sentindo.

Falando em Incas, a história desse povo pré-colombiano é intrigante, e as ruínas, lindas de morrer. Ricos em ciências naturais, e super místicos, construíram seu império sobre pedras recortadas perfeitamente e posicionadas conforme os astros guiaram.

A culinária peruana é outro gol. O Peru é a capital mundial da batata. É difícil escolher onde e o que comer, com pouco tempo de viagem a vontade é almoçar e jantar 10x ao dia. Além das “papas”, o Peru produz dezenas de tipos de milhos, e consequentemente centenas de receitas e bebidas foram criadas a partir desse cereal. A chicha por exemplo, bebida fermentada do milho, já era produzida pelos povos Incas.

Mas no copo, quem reina  é o pisco. Bebida fortíssima, que lembra a grapa italiana, o pisco é um drink peruano, é ótimo para aquecer o corpo nas noites de vento frio. Pisco souer, o rei dos drinks, é servido em qualquer bar ou restaurante, e leva em sua receita limão e ovo crú. Acreditem, é uma delícia. Os passeios pelos museus, ruinas, e praças, são encantadores. Ali pulsa cultura genuína, e não comercial. A raiz ainda está viva naquele povo apaixonado por sua descendência  Todos os guias que conheci era um verdadeiro professor de história passional. Lindo!!!!. Bom exemplo para o Brasil, que nem sempre sabe receber seu turista com carinho. A hotelaria cusqueña não deixa nada a desejar às cidades europeias. Muitíssimo bem preparados para receber, o tratamento é vip e o cuidado com o hóspede é marcante. Vá cedo a Machu Picchu! Quanto mais cedo você for, menos sol e calor você irá sentir. Se quiser conhecer Huayna Picchu, chegar cedo também  é fundamental, ou você não conseguirá fazer o passeio.
Meu maridão esqueceu o chapéu, uiiii!!! teve que comprar ummmm.

Meu maridão esqueceu o chapéu, uiiii!!! teve que comprar ummmm.

                    - Use protetor solar, porque o sol é forte em Machu Picchu. - É recomendável, antes e durante o passeio, descansar, tomar bastante água, chá de coca ou mastigar a folha, a fim de evitar o mal de altura. Apesar de os problemas maiores com a altura serem sentidos em Cusco, não custa nada estender os cuidados a outros lugares. - Vá devagar não acelere o ritmo,pois é bastante longo o percurso. Você já foi a Machu Picchu? Faça seu comentário da viagem o que gostou e algumas dicas, pois colocarei no blog, estou esperando Curta...Compartilhe com seus amigos esse lugar vale á pena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *